domingo, 14 de fevereiro de 2016

Mais sobre mim: perguntas

Acontece-me imenso ler blogs e sentir-me parte integrante da vida daquela pessoa, começar a gostar dela, a torcer genuinamente para que tudo corra bem. É uma sensação de empatia grande que se cria nesta coisa dos blogs e que eu adoro. Mas depois parece que, ainda assim, não sabemos nada sobre aquela pessoa. Há imensas perguntas que ficam a pairar no ar e que muitas vezes não temos oportunidade de ver respondidas. Quanto mede? Será alta ou baixa? Que comida gosta mais? Essas coisas... Eu, pelo menos, tenho sempre imensa curiosidade em relação à vida que as pessoas têm fora dos blogs. E é por isso mesmo que decidi abrir aqui uma espécie de pergunta-resposta entre mim e vocês. Que acham? Podem fazer as perguntas que quiserem (com atenção ao bom senso, obviamente) e, se eu achar que posso responder, assim o farei num outro post. Que vos parece? Eu sempre quis que as pessoas que eu leio fizessem algo do género para eu matar a minha curiosidade :) 

Claro que também pode acontecer de ninguém querer saber nada sobre mim, é um facto. Mas estou disposta a correr esse risco :) Acho muita piada a esta coisa das perguntas-respostas, sempre quis fazer algo do género. Então siga, aproveitem-se da minha caixa de comentários e deixem muitas perguntas para eu responder. 

7 comentários:

  1. Não tenho propriamente uma pergunta mas aproveito para te dizer que, quando comecei a ler o teu blog, criei uma imagem errada de ti. Não sei porquê mas parecias-me uma pessoa 'com mania'. Com o tempo, mudei muito essa opinião e passei a gostar de ti. Neste momento, acho-te uma pessoa super simples, muito trabalhadora e não entendo o que me levou a ter aquela opinião inicial. :)

    ResponderExcluir
  2. Também tenho essa curiosidade. Já conheci algumas bloggers pessoalmente e adorei. Conheces alguma das que segues?

    ResponderExcluir
  3. Também costumo ter alguma curiosidade em relação às pessoas "que leio". ;)

    Por acaso em relação a ti não tenho grandes curiosidades, só mesmo perceber se a imagem que tenho de ti corresponderá à verdade! Ora então imagino-te baixinha, nem gorda nem muito magra, com o cabelo comprido (pelo que vais comentando); responsável, organizada, muito focada nas tuas coisas, gostas de "planear" e "controlar" as situações, romântica e vaidosa... Será que estou longe? :)

    ResponderExcluir
  4. Cusquice pura: qual o curso do namorado?

    ResponderExcluir
  5. Ainda vou a tempo?
    - Qual foi o melhor momento praxístico que viveste?
    - Qual seria o teu emprego de sonho?
    - Se pudesses viver em qualquer cidade do mundo, onde escolherias viver?

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Já fiz o post com as respostas, mas respondo a estas aqui :)

      1. O batismo foi, sem dúvida, um dos momentos mais marcantes. Cheio de simbolismo, com uma confusão que se tornou muito boa, marca definitiva e oficialmente a entrada na faculdade e na vida praxística. É o momento que recordo com mais nostalgia. Depois disso houve imensos momentos bonitos, claro, cheios de significado e que guardo com carinho, mas a minha última imposição foi O momento.

      2. Trabalhar numa clínica ou hospital, a pôr em prática a minha formação. Ajudar os outros, ser boa naquilo naquilo que estudei.

      3. Gosto muito da minha terrinha, sinceramente. Não conheço nada fora de Portugal, por isso não tenho sonhos loucos de viver noutra parte do mundo porque me podia desiludir :) Mas talvez no centro do Porto. Gostei tanto de lá ter morado!

      Excluir