quinta-feira, 25 de fevereiro de 2016

Desanimador

Eu sei que ainda não passou muito tempo desde que acabei o curso e que tenho que ter calma e blá blá blá, mas caramba, nem uma única resposta? Todos os dias ando pelos sites de emprego e nem uma única oferta para a minha área. Começo a ficar desanimada com isto. Depois vejo pessoas que terminaram o curso muito antes de mim e ainda sem emprego, ainda nem estágio tiveram oportunidade de fazer, como posso ficar animada? 

Não quero entrar já na espiral de desesperança e desespero, mas começa a ser difícil encarar isto de forma mais positiva quando dia após dia tudo permanece igual. O pior é que, enquanto não arranjo nada, tenho que continuar onde estou e sinceramente nem sei o que me custa mais: saber que não encontro nada na área ou saber que tenho que continuar no emprego que tenho. E já sei que vêm aí os comentários de "devias estar contente porque ao menos tens um emprego! Há quem nem isso tenha". É verdade, sim. Dou graças por isso, apesar de tudo, porque não sei como seria se estivesse estes meses todos em casa a olhar para o teto à espera. Mas ainda assim posso não gostar do meu trabalho e querer sair de lá, certo? Certo. 

Há dias mais difíceis do que outros, é só isso.

12 comentários:

  1. É chato, sim. Eu terminei o mestrado há um ano e tive apenas duas entrevistas de emprego desde então. Fui percebendo que são poucas as ofertas que passam pelos sites destinados a procurar trabalho e que sem contactos (não cunhas) é difícil conseguir alguma coisa que valha a pena. Estou longe de entrar em desespero e muito menos de maldizer o meu curso (a empregabilidade não foi a razão principal para estudar o que estudei), mas é como dizes, desanimador.

    ResponderExcluir
  2. É complicado porque é mas mantem a cabeça erguida! Força!

    ResponderExcluir
  3. Qual é a tua área? (Podes responder, se quiseres, em comentário no meu blog que eu não publico). Beijinhos

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Vou andar atenta. Passam-me pela mão muitas ofertas de trabalho... e posso perguntar às minhas colegas que trabalham em clínicas. Obrigada e boa sorte ;)

      Excluir
    2. Obrigada Rita, que simpatia! :)

      Excluir
  4. eu acredito que não seja uma fase nada facil mas o teu dia vai chegar :) pensamento positivo :)

    ResponderExcluir
  5. Força! vai aparecer alguma coisa boa, quando menos esperares ;)

    ResponderExcluir
  6. Calma.. de certeza que vai aparecer alguma coisa..

    ResponderExcluir
  7. Calma, apesar neste país ser dificil se conseguir algo na área, vais ver que ainda te aparece alguma coisa optima :D

    Beijo, Sofia
    www.wordsofsophie.com

    ResponderExcluir
  8. Mais dia menos dia vais ver que o telefonema chega, força *

    ResponderExcluir
  9. Nada de desanimar.. Pensamento positivo acima de tudo! Não sei qual a tua àrea, pois há umas mais " complicadas", sei bem do que falo. Já trabalhei na área (ensino)mas a instabilidade era tanta que optei por outro tipo de trabalho..a satisfação e realização deixam a desejar, mas pelo menos tenho trabalho o ano todo . Foi uma opção minha. Contudo continuo a sonhar, voltar à faculdade, enveredar por outras iniciativas. Também não quero continuar no meu trabalho actual é há dias de cão ,,se há! Desejo-te o melhor e vais conseguir, tenho a certeza. ��

    ResponderExcluir
  10. A quem o dizes. Não é fácil manter o ânimo com o estado das coisas neste país, a perspectiva para os jovens, então, é verdadeiramente desencorajadora :/ mas pronto, temos de agradecer o que temos e continuar a luta.
    Beijinhos!

    ResponderExcluir