sexta-feira, 19 de fevereiro de 2016

Ahh como eu adoro quando as pessoas só se lembram de mim para lhes fazer favores.

Tenho uma pessoa na minha vida que me liga constantemente para saber o horário dos autocarros (qualquer um!) em vez de ir à internet pesquisar, como se eu fosse motorista de autocarros ou trabalhasse numa dessas empresas. Passa a vida a pedir que eu encomende coisas online para ela, que é para não ser ela a dar os seus dados pessoais na net. Pergunta-me imensas vezes se tenho isto ou aquilo que lhe possa emprestar. Toca-me à campainha de casa só para me perguntar coisas sem sentido. Está constantemente a dizer para eu lhe comprar isto ou aquilo quando for às compras mas nem por isso me dá o dinheiro. Não, diz tipo "quando fores às compras, podias comprar-me umas sapatilhas x", como se eu tivesse obrigação de 1) trazer coisas para ela e 2) disponibilizar o meu dinheiro primeiro, como se eu fosse rica ou então como se eu tivesse obrigação de comprometer o meu budget só para trazer o que sua excelência me pede. Também tem por hábito cobiçar tudo o que é meu e dizer "quando comprares assim para ti, podias trazer para mim também" ou "se vires uma coisa bonita, traz-me", seja lá o que isso signifique. Resumidamente, sempre que precisa de alguma coisa a minha porta é a primeira onde vem bater. E eu, burra, fazia sempre os favores todos a sua excelência. Mas uma coisa é uma urgência, alguma situação em que é mesmo preciso ajuda ou para o desenrasque, outra são estes caprichos, este pensar que os outros são nossos criados.

E depois, claro, como qualquer bom "pedidor de favores", não os sabe retribuir. Enerva-me que me liguem constantemente para saber onde fica o sítio x, qual o autocarro para ir ao sítio y, mas quando vão sair para as compras ou para passeios, nem por isso se lembram de me perguntar se eu quero ir. Ou de trazer alguma coisa para mim. Metem-se no carrinho e subitamente já se sabem desenrascar. Chegam as ocasiões festivas, onde as pessoas trocam prendas, e recebo sempre uma merdita qualquer que dá logo vontade de atirar para o lixo: um porta-canetas, um porta-chaves ranhoso, os piores chocolates que havia no supermercado, uma caneca foleira... Pessoas que não sabem sequer agradecer os favores que lhes fazem. Não ajudo as pessoas para receber algo em troca. Quando me são pessoas queridas, nem me custa nada! Nunca mais me lembro disso, nem faço questão de lembrar. Agora quando as pessoas estão sempre a fazer favores a outros, quando causa imenso transtorno (como acontece tantas vezes), é de bom tom saber agradecer. E não me refiro a prendas ou dinheiro. A simples boa educação, saber agradar, cai bem. Pior é eu saber que ela a mim, que ando tantas vezes a ajudar em tanta coisa, nem um obrigada muitas vezes me dá, mas aos de fora, por uma merdica qualquer, mete-se logo em casa deles com prendas caras. 

8 comentários:

  1. Como te percebo, às vezes um obrigado cai bem :s

    ResponderExcluir
  2. Tenho uma pessoa na minha família que também lhe acontecesse o mesmo, tal e qual!
    Conselho: afasta-te dela porque essa pessoa além de não merecer a tua amizade é invejosa é só transmite más energias para a tua vida . Não tens necessidade disso. Desculpa a minha sinceridade.

    ResponderExcluir
  3. Deixa de fazer o que quer que seja! Gente dessa a gente não precisa :)

    ResponderExcluir
  4. É um exemplo de uma pessoa 'tóxica'!!! O pior é que quando se é prestável, o pessoal abusa... o que me parece ser o caso ;) e como já passei por isso compreendo perfeitamente!!! Tem de ignorar e afastar-se dessa pessoa... começando por cortar com esses favores (que mais parecem exigências!).

    ResponderExcluir
  5. Detesto pessoas assim! Acho que é importante saber dizer "não" a gente dessa...

    ResponderExcluir
  6. É por isso que só faço "favores" a pessoas importantes, não sou a pessoa mais acessível a toda a gente porque não gosto de abusos.

    ResponderExcluir
  7. Mete-lhe uns patins ! É que não faz falta nenhuma na tua vida, só causa transtorno :x

    http://xleclairdelune.blogspot.pt

    ResponderExcluir