quinta-feira, 3 de dezembro de 2015

Adoro blogs. Divirto-me muito com o meu, a pensar no que escrever, a escrever e a interagir com as pessoas. Gosto dos comentários e gosto de comentar. Mas muito antes de ter eu própria um blog, já me divertia muito a ler blogs alheios. Gosto mesmo disto, pronto. 
Um dos meus passatempos preferidos é mesmo ler blogs e ler comentários aos blogs. Diverte-me tanto ver a estupidez alheia que sou capaz de passar horas só nas caixas de comentários de blogs mais populares a ver o circo pegar fogo. Há de tudo: há os comentadores queridos que gostam genuinamente do blog e escrevem sempre umas palavrinhas bonitas, há aqueles que vão para fazer perguntas, os que dão opiniões sinceras mesmo que contra as opiniões da maioria, os que comentam para pedinchar visitas, os invejosos que vão sempre criticar tudo porque têm mesmo é dor de coto, ... há um número sem fim de tipos de comentadores/comentários. Eu gosto especialmente quando os comentários já nada têm a ver com o post em si e se inicia uma conversa paralela sobre outros temas. Acho um piadão. As pessoas esquecem-se completamente do que estão ali a fazer, perdem a objetividade. Há pessoas que comentam simplesmente para desestabilizar, com comentários completamente estúpidos e fora de contexto. E depois há aquelas pessoas que, sendo elas leitoras e tendo inclusivamente perdido tempo a destilar veneno no blog dos outros, mandam postas de pescada como "Se tivesses a minha vida e mil coisas para fazer em casa, não perdias tempo nas corridas/compras/séries/a escrever blogs!". Adoro a ironia da coisa! 

Ler comentários online, sejam em blogs ou noutras plataformas, faz-me acreditar que existe realmente muita inveja neste mundo, muita gente pequenina, mesquinha, pouco informada. Ainda há muita gente pobre de espírito. E se há coisas engraçadas de ler, de tão estapafúrdias que são, há outras que me assustam verdadeiramente. Há pessoas assim no mundo, pertinho de nós, muitas delas na nossa vida. A criar e educar crianças, as gerações futuras. Medo!

4 comentários:

  1. Por acaso não uma leitora assídua dos blogs mais conhecidos mas vejo isso até no facebook ou no instagram. Conversas paralelas que nada têm a ver com a foto/publicação. Para quê usar o chat?

    ResponderExcluir
  2. Acho que não leio nenhum blogue que seja muito conhecido, mas já vi a inveja surgir em muitos blogues. Toda a gente quer ter comentários e carradas de seguidores e odeia quem consegue.

    ResponderExcluir
  3. E olha que ás vezes pegam-se mesmo como se disso dependesse a vida deles. Os anónimos provocam e eles respondem, a partir daí sai peixeirada eheheh

    ResponderExcluir
  4. eu acabo enervada, se leio alguns comentários, pelo que raramente saio do post original!

    ResponderExcluir