segunda-feira, 12 de outubro de 2015

Balanços

Nenhum ano deve começar sem que seja feito um balanço do ano que passa. E isso para mim é válido para o ano civil, para os anos letivos mas também para os aniversários. 
Agora que entrei nos 23, só tenho coisas boas a reportar dos 22 anos anteriores. Claro que houve momentos maus (então esta fase final de curso está a ser para esquecer), coisas menos boas, momentos que gostaria que tivessem sido diferentes. Mas, cliché ou não, foram eles que me trouxeram até aqui e fizeram de mim a pessoa que sou hoje.

Gosto de pensar que nestes últimos 22 anos tenho-me tornado, gradualmente, numa pessoa melhor e, acima de tudo, numa versão melhorada de mim mesma. Sinto-me cada vez mais forte e mais capaz de ultrapassar os obstáculos que se me atravessam no caminho. Sinto-me mais segura de mim mesma e das minhas relações. Sinto-me mais capaz de definir metas e conquistar os meus objetivos. E sinto, mais do que tudo, uma paz interior que nunca tive na fase da adolescência. Sou muito mais calma e mais feliz, mais capaz de me autorregular. Sinto uma aceitação cada vez maior em relação ao que fui, ao que sou e ao que idealizo ser. Tento cada vez mais ser mais permissiva e mais boazinha comigo mesma, apesar de não me permitir fracassar por não tentar ou por não dar o meu melhor. 
Agora tenho perfeita noção das minhas capacidades, daquilo que sou e do que não sou nem quero ser. Sinto que sei escolher melhor as minhas guerras e que sei distinguir quando devo parar e desistir do que não me faz bem ou do que nunca conseguirei mudar (em mim e nos outros). Sinto-me de bem com a vida e isso é impagável! 

Os 23, espero, serão o ano da mudança. Vou acabar o curso e, se Deus quiser, hei-de arranjar um estágio na área. Estou com a vida em aberto, mas cheia de planos para o futuro. Há lá coisa melhor que isto?

4 comentários:

  1. Eu faço anos amanhã e inevitavelmente também vou fazer um balanço... E sinto-me muito sortuda com as pessoas que me contactam (também) neste dia. Afinal, são elas uma das melhores coisas destes balanços! Há uns meses só pensava que neste dia queria estar a trabalhar e estou (não é na minha área mas, é numa coisa que até gosto!). Faço 25 anos, mas, tal como tu sinto que tenho a minha vida em aberto! :)

    ResponderExcluir
  2. Vais ver que vai correr tudo bem :) Só precisas de acreditar e lutar por isso!
    Boa semana**
    GIVEAWAY

    ResponderExcluir
  3. Boa sorte para este novo ciclo :) E uma nova vida se avizinha...

    ResponderExcluir
  4. Que esses planos te saiam melhor que a encomenda =)

    ResponderExcluir