domingo, 24 de março de 2013



Gosto mesmo do domingo de ramos, ou dia das madrinhas, como queiram. Acho que é mesmo gira a ideia de celebrar o facto de termos alguém a quem faça sentido chamar padrinho/madrinha. E adoro receber flores, o que é outro ponto a favor :)

 Mas depois tem o outro lado: o interesse. Aqueles afilhados que só falam com os padrinhos neste dia e é porque sabem que lhes vai cair alguma coisa no bolso. Ou os netos, já crescidos, que teimam em ir a casa das avós nestes dias para ver se recebem uma notinha. Eu conheço uns quantos assim. 

Mas bem, para quem tem padrinhos e/ou afilhados que valem a pena celebrar, aproveitem! Bom domingo :)

Um comentário: