quarta-feira, 18 de julho de 2018

Passatempos

Deve ser verdade aquela história do "sorte ao jogo, azar ao amor" e vice-versa, é que eu nunca ganhei nada! Tenho demasiada sorte no amor para ainda ter também sorte no jogo :p Eu bem concorro, embora seja super chato ter que estar sempre a marcar não sei quantos amigos para poder ter uma entrada válida, mas, ainda assim, nunca tenho sorte. Na maior parte das vezes nem sequer me chateio a concorrer porque já sei que não serei a feliz contemplada, mas quando o prémio é algo que eu quero mesmo mesmo muito, lá tento. Em vão, claro.
Também não jogo no euromilhões (passa-me sempre tudo ao lado dos números que escolhi) nem em raspadinhas. Uma vez saiu-me 10€ mas já foi há imensos anos e nunca mais ganhei nada. Está visto que tenho que trabalhar, porque isto só com a sorte não vai lá.

4 comentários:

  1. Por aqui igual! O namorado insiste em jogar no euromilhões mas a coisa não se dá. Reles trabalhadores é o que terá de ser ;)
    https://jusajublog.blogspot.com/

    ResponderExcluir
  2. Sorte no amor é muito melhor ;)

    ResponderExcluir