terça-feira, 13 de março de 2018

Lavar as mãos é overrated, estou a ver

Há pouco tempo uma pessoa chamou-me a atenção para este flagelo e agora só consigo reparar nisso sempre que vou a uma casa de banho pública: as pessoas (não todas, mas uma quantidade assustadora delas) não lavam as mãos!

Nem o facto de saberem que as outras pessoas estão a ver as pressiona a serem limpas e asseadas. Saem da casa de banho como se não tivessem ido lá fazer nada. Oi? Eu bem sei que nós, enquanto mulheres, na verdade não chegamos a tocar em nada para nos limparmos mas só o facto de termos estado naquela zona e com a ocorrência de necessidades fisiológicas, já deveria ser suficiente para depois se querer ir lavar as mãos. Eu nem sou muito louca dos germes nem nada que se pareça, mas gosto de higiene, pelo menos, a básica. Lavar as mãos depois de ir à casa de banho é uma coisa básica. Até porque se tocam em portas, autoclismos e outras coisas em que outras pessoas também tocaram e, a avaliar pelo facto de essas mesmas pessoas não lavarem as mãos depois de saírem dos cubículos, imagino que não tenham as mãos muito limpas quando tocam nas mesmas coisas onde depois outras pessoas vão tocar. O meu namorado tem reparado no mesmo nas casas de banho dos homens e constata sempre a mesma coisa. No caso dos homens ainda é pior, visto que estão em contacto direto com os órgãos genitais. E que ninguém me diga que nunca saltou uma pinguinha depois de abanar o dito cujo. Portanto, as pessoas são muito limpas, como podemos ver. 

Há tempos li um artigo que dizia que os corrimãos das escadas rolantes de shoppings são das coisas mais nojentas onde podemos tocar. Entre outras coisas, encontraram vestígios de fezes e sémen nessa análise. Porquê? Porque as pessoas vão à casa de banho e não lavam as mãos. Não é porque não vemos as imundices que elas não existem. Tenho horror a tocar nas escadas rolantes desde que vi esse artigo. É nojento. Que é que custa sair da casa de banho e lavar as mãos? É um minuto. Às vezes julgamos que este tipo de comportamentos são básicos, até percebermos que nem toda a gente os faz.

12 comentários:

  1. Os teus posts são sempre muito pertinentes e identifico-me em muitas coisas.. curiosamente está é uma questão que não me tem saído da cabeça!!! Numa formação de brc que tive essa questão foi falada e a partir desse momento estou sempre atenta a quem lava ou não as mãos quando vai ao wc. Pra meu horror tenho um colega que sempre que vai ao wc não lava as mãos (eu sei disso porque o wc fica junto do escritório e não oiço a água e porque ele sai logo assim que faz a descarga do autoclismo).. de manhã quando chego tenho que cumprimentá-lo é só me ocorrem pensamentos relativamente á higiene... aaaiiiiii vida!!!

    ResponderExcluir
  2. Há algum tempo que não toco em corrimões. Já puxadores de portas será a mesma coisa mas é muito mais difícil evitar. Ando sempre a lavar as mãos.

    ResponderExcluir
  3. E os amendoins em bares? Não comas, consta que estão sempre cheios de vestígios de urina precisamente pelo mm motivo. Infelizmente há gente muito porquinha... juro que não percebo. Custa muito perder 1 minuto a lavar as mãos?

    ResponderExcluir
  4. Por acaso já tinha ouvido falar que os corrimões das escadas rolantes de shoppings são um antro de bactérias. Pessoalmente sinto que quando lavo as mãos nos shoppings, a sensação que tenho é que quando ponho a mão na maçaneta da porta do wc para sair já estou a ficar novamente (muito) contagiada com germes.
    E os miúdos já vão educados nesta onda. Trabalho com crianças e noto que eles também não têm hábito de lavar as mãos (e nem descarregam o autoclismo, mas isso é outra história). Se não vêm os pais a fazer isso, como vão eles fazer também?

    ResponderExcluir
  5. A forma correta é corrimãos. Nós temos mãos e não mões.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Fiquei na dúvida porque me soou estranho, apesar de sempre ouvir dizer corrimões, mas a verdade é que nem fui pesquisar. Obrigada! Vou já corrigir :)

      Excluir
    2. De qualquer forma, fui confirmar e no priberam diz que, apesar da forma correta ser corrimãos, corrimões é (mais) usado e não está errado, pois a tendência é o plural de -ão ser - ões. Interessante como a nossa língua funciona :)

      Excluir
  6. Há pessoas muito 🐷.. eu não toco em corrimões de escadas rolantes e faz -me impressão os puxadores das portas ...

    ResponderExcluir
  7. Eu sou muito enojadinha com o lavar as mãos e reparo nisso xD até mesmo quando estou em casa de pessoas, se ouço o autoclismo e elas a seguir saem logo da casa de banho, penso "QUE NOJO".

    ResponderExcluir
  8. É por estas e por outras que ando sempre com um frasquinho de desinfectante na mala. Não sou muito maricas com germes mas gosto de me poder desinfectar quando sinto necessidade. E longe de mim sair da casa de banho sem lavar as mãos. Nem me iria sentir bem.

    ResponderExcluir
  9. Há anos que reparo nisso e sempre me fez confusão. Quase tanta como ver pessoas lavar só com água quando há ali sabonete. A água só por si não lava... principalmente, se só colocarem lá debaixo sem esfregar e já está. Só para dizer que "lavaram". Bitch, please. Porcas, é o que são.

    ResponderExcluir
  10. Concordo plenamente contigo. Admito que chego a lavar as mãos até em excesso, ao ponto de ficar com a pele seca. Lavo-as depois de utilizar a casa-de-banho, depois de fazer as limpezas, várias vezes enquanto cozinho... Por isso fico meio traumatizada quando vejo alguém a sair do WC sem lavar as mãos xD

    ResponderExcluir