terça-feira, 20 de fevereiro de 2018

Maus agoiros e opiniões não solicitadas

Quando se começa a contar às pessoas que vamos viver juntos, além dos comentários felizes de quem nos quer bem (já agora: obrigada pelos vossos comentários carregados de carinho!), há sempre aquele comentariozinho maldoso, atirado como quem não quer a coisa, "agora é que vão ser elas! Agora é que vão ver o que é dividir tudo, partilhar a vida... Não é só um mar de rosas!". Então quando vêem com "quando se namora, ao fim do dia vai cada um para o seu lado, mas depois de viverem juntos têm que voltar para casa, mesmo que estejam chateados!", como se viver com alguém fosse uma prisão, as pessoas deixassem de ter liberdade para fazerem o que querem e são obrigadas a enfrentar o outro, a pedir desculpas e resolver as situações (então mas não fazem isto quando não vivem juntas?).

Não sei qual é a necessidade destes comentários porque 1) não me parece que a partilha de uma boa notícia seja o momento certo para começar com maus augúrios e 2) não me parece, igualmente, que duas pessoas adultas e que estão juntas há uma década precisem que as relembrem que a vida não é fácil e que as relações não são só beijinhos e abraços. Não é preciso viver com o/a namorado/a para perceber que é difícil viver com pessoas. Toda a gente sabe que viver com alguém, seja quem for, é um desafio, mais que não seja, nos primeiros tempos. 

Acho muito desagradável esta coisa de começar logo a destilar veneno e a minar a felicidade dos outros com estes comentários. Vão mandando estes bitaites assim como uma brincadeira, riem-se, mas eu não acho graça nenhuma, sinceramente. Qual é a necessidade disso? Fácil ou difícil, é uma adaptação e "toda a gente" passa por isso. Nem interessa aos outros como é que vamos lidar com as chatices do dia a dia ou se este passo vai fortalecer ou enfraquecer a relação. Não é preciso serem desagradáveis. Não percebo o que é que as pessoas têm na cabeça para fazer comentários deste género, a sério. Como escreveu um anónimo há dias num comentário, eu conheço pessoas muito estranhas.

9 comentários:

  1. As pessoas têm sempre a mania de opinar sobre algo que não lhes diz respeito ! O importante é não ligares e seres feliz :)

    ResponderExcluir
  2. Há pessoas muito mazinhas e vão sempre tentar lançar a sua piada sem piada nenhuma. Alias, isto só a vocês diz respeito e de certeza que foi uma decisão bem pensada.
    Enfim, as pessoas são tão irritantes.

    ResponderExcluir
  3. A questão aqui é que os outros também não precisam saber que tu vais viver com o teu namorado.
    Se há coisa que a vida e a idade me tem ensinado é devemos contar situações da nossa vida só a quem sabemos que vai ficar genuinamente feliz por nós. E infelizmente, nem sempre as pessoas que nos são próximas são exatamente positivas na nossa vida. É essencial filtrar as pessoas e também a informação que queremos dar e também quando.
    Vais ser mais low profile quando o começares a fazer.
    Muitas felicidades*

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Tens toda a razão Há exceção do blog, onde partilho, no geral, a minha vida com estranhos (e ainda assim, com muitos filtros), não sou pessoa de andar a falar da minha vida a toda a gente. Quando tomamos a decisão de ir viver juntos, apenas partilhamos com os nossos pais e um ou outro membro da família. Esses comentários partiram de pessoas próximas, portanto.

      Mas é mesmo verdade o que dizes e eu sei disso e aplico em tudo na minha vida. Partilhar o menos possível, apenas e só quando faz sentido e a um círculo de pessoas muito restrito. Evitam-se muitas coisas desagradáveis assim, sem dúvida.

      Obrigada pelo teu comentário! :)

      Excluir
  4. Sinceramente, esse tipo de comentários não me surpreende, porque também já os senti na pele, mas por outros motivos. Infelizmente, o que não falta neste mundo é pessoas mesquinhas e de mal com a vida. E acham que estão a dizer uma coisa super importante quando referem frases como as que mencionaste. Pois bem, pelo menos, estão a revelar-se e assim, já te podes precaver em relação a certas atitudes vindas dessas pessoas.

    ResponderExcluir
  5. Disseste tudo. C*ga nessas pessoinhas e sê muito feliz! :)

    ResponderExcluir
  6. Que louco que seria se as pessoas fossem mais calorosas perante as boas notícias, em vez de tecerem esses comentários maliciosos -.-

    ResponderExcluir
  7. Tenho uma experiência parecida com a tua, depois de muitos anos de namoro, casei-me! Ouvi isso tudo, que o primeiro ano era o pior de todos, que nos tínhamos que adaptar, que havia muitas cedências, etc, etc. Sabes que mais? Não foi nada nada disso! Porque era um desejo enorme dos dois, que adiámos durante muitos anos e quando aconteceu foi isso mesmo, a realização de um desejo já muito sólido e muito querido! Para mim foi um desafio muito maior aguentar viver sozinha nos anos anteriores, enquanto não havia condições para estarmos juntos diariamente. Quando fomos viver juntos, as coisas simplesmente mudaram, mas para muito melhor!!!

    ResponderExcluir
  8. Tãããão típico --' Já se sabe como são as pessoas... Não sabem ficar felizes pelos outros, sabes?

    ResponderExcluir