segunda-feira, 26 de junho de 2017

amor próprio e autocuidado

Quando não saio e me deixo estar muito tempo seguido com "roupa de andar por casa", sinto-me um farrapo. É tudo muito confortável e claro que continuo a tomar banho e a mudar de roupa, mas não tendo aquela preocupação de "vestir bem" para sair, as roupas acabam por ser o mais descontraídas possível e muitas vezes nem ligo ao facto de combinarem entre si ou não. Aquele ar de desleixo, de quem prende o cabelo num messy bun e anda de cara lavada, sem brincos, de chinelos ou descalça, de calções e tshirt ou de pijama, é muito giro um dia ou dois mas, se o faço vários dias seguidos, a minha autoestima desce consideravelmente.  Faz com que me sinta sempre muito mais feia e gorda. Não sei, são pancas. Ao fim de uns dias já a minha autoimagem está a arrastar pela lama, começo a pensar imenso na minha forma física, sinto-me um bicho do mato. Não é que eu aos outros dias ande vestida como uma princesa ou qualquer fashionista desta vida, mas tenho sempre um ar mais compostinho. Só o facto de colocar brincos e arranjar o cabelo, já me faz sentir outra! 

5 comentários:

  1. Amor próprio e autocuidado sempre...

    ResponderExcluir
  2. Eu gosto de me arranjar para sair, mas é só. Adoro adoro andar por casa com o meu pijama confortável. Aliás, por mim, andava sempre assim!

    ResponderExcluir
  3. Na maior parte das vezes gosto de estar em casa com roupa confortável, mas no verão acho que consigo facilmente aliar esse conforto a uma roupa com a qual me sinta gira/bem... ;) No entanto, percebo onde queres chegar e às vezes também me acontece.

    ResponderExcluir
  4. Sinto o mesmo! Quando estava em casa a fazer a tese tinha de inventar coisas para fazer na rua para poder sentir-me melhorzinha nesse aspecto. Realmente é muito prático mas é se a pessoa não se vir ao espelho xD
    Bom saber que não sou a única. Beijinhos

    ResponderExcluir