quinta-feira, 23 de fevereiro de 2017

Pessoas que não sabem estar sozinhas

Há uns dias, falava-se cá em casa da filha de uma colega de trabalho da minha mãe, que não tendo o marido em casa, corre para casa dos pais. Lembrei-me logo de uma mulher que eu conheço e que se enfia em casa dos pais no único dia em que o marido chega a casa mais tarde do trabalho. E a discussão começou aí.
Ora, eu sou pessoa de gostar muito de estar com outras pessoas, de passar tempo com outros que não eu, de fazer coisas em conjunto. Ainda assim, não entendo esta necessidade de ir a correr ter com outras pessoas quando se tem um tempo livre. É que, pelo que entendi, estas duas mulheres não vão para casa dos pais numa de "tenho este tempo livre e vou passá-lo com a minha família", fazer uma visita, antes o fazem porque não querem/têm medo de estar sozinhas. 

Eu não sei como é ser casado ou coabitar com o namorado, mas a mim estas situações parecem-me uma excelente oportunidade para fazer coisas que gosto sozinha! Não digo que não iria a casa dos meus pais visitá-los ou jantar com eles uma vez por outra, se estivesse nesta situação, mas acho que ia aproveitar esse tempo para mim. Em primeiro lugar, parece-me uma boa oportunidade para fazer aquelas coisas de gaja: depilação, unhas, uma hidratação no cabelo, um banho mais demorado. Depois, não há obrigação de fazer jantar para dois, por isso podia comer qualquer coisa que me apetecesse (aquela comida que ele não gosta, comer porcarias, comida de pequeno-almoço, ...). Dava tempo para ver novelas, séries ou aquele filme lamechas que os homens nunca alinham em ver connosco. Dá tempo para ler, para telefonar a alguém e pôr a conversa em dia, para aprender um novo hobbie, eu sei lá! E depois toda a gente sabe que quem tem uma casa tem sempre coisas para fazer. Dá tempo para arrumar as roupas, passar a ferro, limpar alguma coisa mais afincadamente, sei lá; tratar logo de coisas chatas para depois se ter mais tempo a dois, quando o marido voltar.

Não entendo esta necessidade de estar sempre rodeado de pessoas. Eu sou uma pessoa extrovertida e que adora sair e estar com amigos, ter com quem conversar, etc, mas adoro estar sozinha! Ter tempo para mim, fazer coisas que gosto sem estar a tirar tempo ao casal ou obrigar o moço a ver/fazer o que eu quero. Adoro as minhas manhãs solitárias! Faço exercício, ando pelos blogs, faço depilação e unhas e cabelo, vejo séries, leio, cozinho... Gosto tanto de estar sozinha e de fazer coisas que gosto sem ter que dar cavaco à tropa. Para mim, seria uma oportunidade para fazer essas coisas todas. E visitar os pais sim, mas porque os adoro e não porque tenho medo de estar sozinha. Afinal de contas, vivemos todos aqui rodeados de pessoas, numa terrinha onde nada se passa e ninguém faz mal a ninguém. Não há porque ter medo de estar em casa sozinha, valha-me Deus.

22 comentários:

  1. Eu procuro sempre ter um bom equilibrio, gosto de estar acompanhada, mas também valorizo o tempo que tenho só para mim! =)
    Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Concordo consigo. Menos numa coisa, quando disse que iria aproveitar para despachar as tarefas chatas de casa para ter mais tempo a dois quando o marido voltasse. Dá ideia que a mulher tem que fazer tudo em casa e estar disponível para quando o maridinho voltar. E isso é tão século XX... :-)

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Pode ter passado essa interpretação, mas acredite, nada defendo essa ideia de que as mulheres é que têm que fazer tudo! O que eu quis dizer é que, já que eu estaria em casa e, portanto, com tempo, aproveitaria para fazer essas tarefas. Se fosse o meu namorado/marido a ter esse tempo livre, que o fizesse ele, para depois termos mais tempo para estar a dois. Acredito muito na divisão igualitária de tarefas, mas acredito também que a pessoa que passa mais tempo em casa ou tem mais tempo livre pode e deve adiantar tudo o que for possível, para depois sobrar mais tempo para sair, namorar, etc. Poderia muito bem aproveitar esse tempo para todas as outras coisas que enumero, mas sendo organizada como sou, sei que iria aproveitar esse tempo para despachar logo as coisas chatas. Porque gosto de ter tudo feito logo, não porque seria obrigada, já que sou mulher!

      Se for leitor assíduo do meu blog, saberá que sou, acima de tudo, a favor da igualdade entre géneros e de modo algum iria defender essas ideias de que as mulheres é que têm que tratar da casa e estarem livres para quando o marido voltar.

      Mas obrigada pelo comentário, de facto pode passar essa ideia a leitores mais desatentos :)

      Excluir
    2. Ainda bem que estamos de acordo na divisão de tarefas. E como se depreende pelo texto, sou uma mulher. :-) Obrigada pela resposta, costumo ler o seu blog, mas nunca tinha comentado.

      Excluir
    3. Ora essa, obrigada eu pela partilha de opiniões! É para isso que um blog serve. Espero que volte mais vezes e comente mais, goste sempre de saber das opiniões de quem me lê :) Um beijinho

      Excluir
    4. Obrigada! Vou comentar mais, prometo :-)

      Excluir
  3. Concordo contigo. Como o meu filho vai para a casa do pai de 15 em 15 dias aproveito sempre esses fins de semana para tratar de mim e ficar na ronha sem preocupações :D

    ResponderExcluir
  4. eu adoro estar sozinha! e muitas vezes sinto memso que preciso de estar sozinha, fazer as minhas coisas, ir ao shopping! ha dias que nao tenho paciencia para pessoas xD

    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderExcluir
  5. Eu cá gosto imenso de ter tempo só para mim .

    ResponderExcluir
  6. Este post fez-me lembrar um textinho que escrevi em 2014 e que partilhei no blog em 2015 :) (Está aqui: http://entreosmeusdias.blogspot.pt/2015/03/sao-so-palavras-2_13.html).

    Compreendo perfeitamente o que dizes e concordo! Eu detesto quando o meu namorado não está, mas não é que não goste de estar sozinha (porque gosto muito!), é só porque prefiro mesmo estar com ele :P De qualquer forma, dizem-me muito para ir dormir a casa dos meus pais, mas eu já me habituei tanto a estar na minha casa que já me faz alguma confusão sair :) E sim, aproveito quase sempre para esse tipo de coisas de "gaja": depilações, pintar as unhas, arranjar o cabelo, arrumar as minhas coisas, etc.

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. É isso mesmo! Quando se vive com alguém, claro que se gosta da companhia e não ter a pessoa em casa pode ser chato por isso mesmo, por faltar ali alguém. Mas serve para ter tempo para estarmos sozinhos, que é uma coisa maravilhosa também!

      Excluir
  7. Este comentário foi removido pelo autor.

    ResponderExcluir
  8. Bom, eu vivo com o meu namorado e ele viaja algumas vezes e não me importo nada de estar sozinha, até fico com tempo livre só para mim e é tão bom!

    ResponderExcluir
  9. Concordo completamente contigo! COMPLETAMENTE!
    Beijinhos,
    BabyLú
    http://www.luciaffmoreira.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  10. Concordo completamente :)
    Eu cá também aproveito para ver blogs, arranjar unhas, máscaras de cabelo e cara, essas coisas todas, gosto de me arranjar, fico mais leve :D
    E se tiver tempo adianto as coisas em casa também, para depois ter mais tempo para namorar. Não é uma questão de ser mulher, é mesmo porque sou organizada e não gosto de ter tudo feio (fora do sítio ou desarrumado).
    Beijinhos*

    ResponderExcluir
  11. Sou tal e qual. Adoro sair e estar com pessoas mas prezo igualmente os meus momentos a sós e adoro-os!

    P.S. Adorei a expressão "sem dar cavaco à tropa" ahahah Fiquei fã!

    ResponderExcluir
    Respostas
    1. Usa-se muito no Norte, pelo menos eu sempre ouvi várias pessoas usar :) ahahah

      Excluir
  12. Concordo plenamente!
    No primeiro ano em que estávamos a morar juntos, tivemos férias em épocas diferentes. E o meu namorado aproveitou uns dias para ficar com os pais na terra dele. Eu nesses dias fui para casa da minha mãe, pelo miminho de ela me fazer tudo e porque ainda não me sentia muito à vontade em nossa casa.
    No entanto, habituei-me de tal forma à nossa casa, que em várias situações que fiquei sozinha nem hesitei. Eu fico sozinha em casa. Ele várias vezes me perguntou se não me importava de ficar sozinha. Eu preferir, preferia que ela lá estivesse, mas não estando então fico sozinha e muito bem. Porque tal como disse aproveito esse tempo para tratar de mim! Seja depilação, pintar unhas, ver as minha séries, filmes, adormecer e acordar no sofá 20 vezes durante o filme.... Tanta coisa!

    https://jusajublog.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  13. Tal e qual. Eu adoro estar sozinha em casa :)

    ResponderExcluir
  14. Mesmo! Mesmo! Estou de acordo.
    Mas agora fizeste-me lembrar outro tipo de pessoas que também me irritam profundamente, nomeadamente a pessoa que vive para o marido e família ou seja: eu também vivo para o marido e família, mas tenho amigos, gosto de tentar que o meu marido conheça os meus amigos (e vice-versa) integrar tudo...e tinha uma amiga que não, ela só tinha amigas virtuais (ISSO ENERVA-ME PROFUNDAMENTE!!!!!!Só são amigas pelo whatsapp ou o que seja e tenho algumas assim ou...tinha, isso pra mim não dá), não arranja tempo (nem acredito que tenha vontade) para estar com quem gosta, só sai com o marido e se ele não tiver, porque se ocupa de coisas, é com a mãe ou o irmão (ou amigos do irmão) que sai. De resto, só estávamos juntas se eu fosse ter com ela e se ele não estivesse (estivesse ocupado). Caso contrário, ela não vai beber um café, visitar uma amiga, nada,...! Só de me lembrar disto até me está a aquecer o sangue ahahahahah Nem para um simples jantar de casais...em que o respetivo está presente e não foge e toda a gente se afasta por essa razão, mas mesmo assim continua. Se estas pessoas tiverem um problema na vida, tipo uma separação, por exemplo, ou mudam e andam a fazer figuras ridículas ou então é um caso perdido.

    ResponderExcluir
  15. Totalmente de acordo! Uma coisa é aproveitar para estar com outras pessoas, ir jantar sozinha com amigas ou com os pais, outra é a necessidade de estar com eles porque não se sabe/não se gosta de estar sozinho.

    ResponderExcluir
  16. É raro eu ficar sozinha em casa mas quando o meu namorado trabalha até mais tarde eu aproveito para tirar um tempinho só para mim. E mesmo quando ainda morava em casa dos meus pais estive sozinha durante quase um ano, porque eles se "mudaram" para a margem sul e vinham 1/2 vezes por semana a casa. Apesar de às vezes ter receio de estar lá sozinha sempre aproveitei para ter as minhas coisas em dia. É injusto para com o meu namorado, porque adoro dividir a casa com ele, mas às vezes tenho saudades de ter um tempo só para mim!

    ResponderExcluir