segunda-feira, 13 de fevereiro de 2017

Marketing para mulheres

Não sei se já repararam, mas as publicidades e os produtos para mulheres raramente são objetivos. Raramente vemos um produto que diga simplesmente os seus efeitos sem floreados, há quase sempre umas metáforas com flores e coisas pipis como se fossemos todas princesas da Disney. No outro dia li uma descrição de uma máscara de cabelo que, entre a descrição dos produtos que continha, terminava assim:

 "irá encantá-lo com o seu agradável aroma de jasmim e transformará o seu cabelo numa coroa radiante de beleza."

Eu não sei quanto a vocês, mas eu dispensava estas metáforas e eufemismos todos. Não é que me incomode por aí além, apenas acho curioso que as marcas sintam necessidade de usar este tipo de descrições para venderem os seus produtos. Quando compro alguma coisa, compro pela sua composição e pelo seu efeito objetivo e não por causa estas coisinhas bonitas para me tentar fazer sentir a rainha do mundo. Faz-me lembrar os produtos da Herbal Essences, que tinham sempre umas descrições e indicações de uso muito peculiares também. 

Será que isto tem realmente efeito na maioria das mulheres, na hora de comprar? 
Curiosidades...

9 comentários:

  1. Hão-de haver estudos que dizem que sim. Somos fáceis de manipular :P ou então deixamos de ter paciência para ler aqueles floreados e pomos logo no cesto de compras...

    ResponderExcluir
  2. São estratégias e como tal levam o consumidor a consumir determinado produto

    ResponderExcluir
  3. Ahahah concordo contigo! Eu nem sei o que eles querem dizer com essas frases estranhas!xD. Não faz qualquer sentido!


    TheNotSoGirlyGirl // Instagram // Facebook

    ResponderExcluir
  4. Comigo não tem efeito nenhum mas acredito que quando existem novos produtos no mercado ou não se conhece os produtos e existe indecisão na compra, talvez nesses casos possa ser fator de decisão!

    ResponderExcluir
  5. Venho agradecer-te as tuas palavras de apoio! Foi uma fase mesmo complicada, estou melhor agora. Mais consciente daquilo que quero, daquilo que preciso. E nunca deixei de fazer as minhas coisas, não estive deprimida nem nada. Só estive mal. :/ Mais uma vez obrigado por tudo :)

    ResponderExcluir
  6. Nada disso! Comigo não cola! E sinceramente também dispensava.

    https://jusajublog.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  7. Não me faz diferença esses frufrus todos, mas acredito que surta algum efeito em algumas mulheres na hora de escolher :)

    ResponderExcluir
  8. Ahahah, nunca tinha pensado muito sobre o assunto mas talvez tenhas razão.

    ResponderExcluir