segunda-feira, 24 de outubro de 2016

Sonhos e pesadelos

Quando era miúda, os pesadelos eram sobre monstros e medos que pudesse ter na altura; agora os meus pesadelos são com trabalho. Acordo angustiada porque sonhei que trabalhava no sítio x ou y, que tinha voltado para a pastelaria ou para a loja. É isto a minha vida.

Sou uma pessoa incrivelmente impressionável. Enquanto miúda, se visse um filme assustador ou uma imagem mais sombria, passava dias sem dormir. Lembro-me de passar na tv o anúncio do filme "A Máscara", que ia dar nesse fim de semana, e ter ficado cheia de medo de ver o Jim Carrey a ficar com a cara verde. Aquela imagem perseguiu-me durante semanas! E supostamente aquilo era um filme engraçado, agora imaginem quando via filmes de terror. Mas enfim, infelizmente não fico impressionada só com filmes ou histórias assustadoras. Qualquer coisinha que se passe na minha vida no dia a dia é levada para o meu sono. Sonho muito! E sonho imenso com situações rotineiras, com coisas que alguém me contou, etc. No ano passado, quando andava a acabar a tese, sonhava imenso com análise de dados. O meu cérebro é incapaz de desligar, de colocar aquilo em standby se for algo mesmo importante na minha vida, naquele momento. Quando estagiava sonhava muito com as consultas, com as coisas que dizia, com o que os clientes diziam. Sonhava imenso com trabalho e de sexta para sábado era incapaz de dormir descansada só com coisas da pastelaria em mente. Depois entreguei a tese, acabei o curso e o meu sono melhorou imenso. Agora são coisas pontuais.

Ainda assim, qualquer coisinha desperta este cérebro alucinado à noite. Se alguém me contar que fulana tal está grávida, sou menina para sonhar que eu também estou grávida. Aqui há tempos vi uns vídeos no youtube sobre cabelos e unhas e nessa noite sonhei que era cabeleireira. É impressionante as associações que esta cabecinha faz. Coisas que no dia a dia nem sequer são relevantes e ouço e esqueço, à noite voltam e revivem nos meus sonhos. Não consigo ter uma noite descansada!


5 comentários:

  1. Sei bem o que é não conseguir ter uma noite descansada e não é nada recomendável. Mas olha, temos de nos adaptar... Beijinhos

    ResponderExcluir
  2. Não me lembro de sonhar. Ainda bem! É sinal que tenho a cabeça arrumada!

    ResponderExcluir
  3. Eu nunca me lembrava dos sonhos, mas neste último mês tem sido uma loucura... Pessoas do passado, dum passado longínquo, ter filhos, etc etc
    Compreendo bem aquilo por que estás a passar. É que, durante o dia, até nem prestamos grande atenção a isso e depois à noite é cada filme na nossa cabeça!

    ResponderExcluir