quinta-feira, 21 de julho de 2016

A casamentos e batizados só vão os convidados

Eu sou do tipo de pessoa que acredita mesmo nisto e levo esta máxima para muitas coisas e não só festas em particular. Só vou a algum sítio de for convidada a ir; nem a casa do meu namorado apareço sem me anunciar antes ou perguntar se posso. Acho que é falta de respeito aparecer do nada à porta das pessoas (salvo raras exceções) e mais ainda aparecer a coisas que não fomos convidados. Pior ainda, acho uma falta de respeito enorme as pessoas serem convidadas para alguma coisa e trazerem pessoas a quem, claramente, o convite não foi feito.

Por exemplo, aquele amigo que não entende que o convite para o café não era extensível à namorada. Eu sei que é chato e que, sendo adultos e tendo responsabilidades como o trabalho, as pessoas querem aproveitar o máximo de tempo possível para estarem com os seus respetivos. Daí que haja o poder de decisão de ir sair com os amigos ou com a cara-metade. Se a pessoa não foi convidada, não a vão levar de arrastão. Já por diversas vezes fui convidada para saídas, jantares e festas e esse convite era só para mim, não incluía o meu namorado. Se é de mau tom a outra pessoa, que faz parte do casal e que a pessoa que convida até conhece bem, não ser convidada? Depende das situações, mas quase sempre sim (tenho uma tia que nunca convida o meu namorado para coisas de família, sendo que todas os meus familiares o incluem no convite quando me convidam para o que quer que seja).  Mas é ainda pior nós levarmos a pessoa assim, de arrasto, sem que esta tenha sido convidada.
Às vezes fica subentendido que é para levar o/a namorado/a; outras vezes não. Se ficam na dúvida e têm uma grande lata, perguntam se a outra pessoa também pode ir. Senão, vão vocês e acabou-se. Não aparecem lá com mais mil pessoas e está tudo ok. 

Todos os anos pelo Verão a minha avó faz o lanche para toda a família. Já ninguém é formalmente convidado, as pessoas simplesmente já sabem que é para aparecer. A questão é que a minha avó só está a contar, obviamente, com os filhos/genros/noras e os netos. Mas os meus primos insistem sempre, ano após ano, a aparecer com os amigos com quem estiverem na altura. Se andarem a passear com 10 amigos, levam os 10 amigos para casa da minha avó, a reboque. Acho uma falta de noção tremenda. Ao menos ligavam antes, a perguntar se podiam levar mais alguém. Agora aparecer assim, do nada, com pessoas que não foram convidadas, acho que é mesmo falta de respeito. Não somos obrigados a levar com pessoas que não conhecemos ou não gostamos na nossa casa, quando nem sequer foram convidadas para lá estarem. 

Há lá coisa mais desconfortável para a pessoa que convida do que ouvir um "Ah sim, nesse dia estou disponível, vou ver se o x tem folga nesse dia para vir também"?  Ficamos ali sem saber o que dizer, não querendo ofender ninguém mas também não querendo que a outra pessoa apareça. Se fosse para a outra pessoa aparecer, o convite tinha sido dirigido aos dois, enquanto casal, e não só a um. É assim tão difícil perceber?
Tudo seria tão mais fácil se as pessoas tivessem bom-senso.

8 comentários:

  1. estou contigo nessa. o meu namorado quer levar-me para todo o lado com ele, sendo ou não convidada, e não gosto disso. So vou quando sou explicitamente convidada, não fico chateada se não me convidarem -- porque se não me querem lá, é porque eu também não vou gostar de ir -- e não apareço em casa de ninguém sem avisar com antecedência.

    beijinho
    the-not-so-girlygirl.blogspot.com

    ResponderExcluir
  2. há pessoas que não teem noção

    ResponderExcluir
  3. Concordo! Não vou a sítios para os quais não fui convidada, nem me ia sentir bem...

    ResponderExcluir
  4. Concordo ! Só vou a sítios onde sou convidada

    ResponderExcluir
  5. Concordo bastante contigo! Pena que nem todos pensem assim, mesmo! :/
    Beijinho*

    ResponderExcluir
  6. Compreendo perfeitamente o que queres dizer. Já passei por imensas situações dessas e as pessoas aparecem com companhia e agem como se nada fosse e nós lá tentamos sorrir, mas pronto... Avisar não custa nada, é o mínimo.

    ResponderExcluir
  7. Eu confesso que entendo o ponto de vista, mas sendo de uma família numerosa temos o hábito de aparecer à porta uns dos outros sem avisar e muitas das vezes as reuniões familiares já são feitas a contar com muitos de nós. Mais uns tantos não faz diferença. (:

    ResponderExcluir
  8. Eu acho indelicado quando os convites não estendem aos namorados. Aliás, dependendo da situação até podia decidir não ir como forma de protesto por não convidarem essa pessoa :P
    Mas lá está, eu deixava de ir, não levava alguém que não tinha sido convidado.

    ResponderExcluir