quinta-feira, 5 de maio de 2016

There is no such thing as too many books | Num breve fechar de olhos by Abbie Taylor


Este livro ganhei numa campanha da Editorial Presença, há muito tempo. Achei o título interessante, dentro daquele que podia escolher, e decidi-me por este. É o primeiro livro desta autora, mas gostei!

"Quando as portas da carruagem do metro se fecharam, separando o pequeno Ritchie, de treze meses, da sua jovem mãe, completamente aterrorizada, começava para Emma o pior pesadelo de toda a sua vida - ver o seu bebé ser levado sem conseguir fazer nada para o impedir. E a polícia parecia não acreditar na sua história. Se Emma quisesse reaver o filho, teria de ser ela a procurá-lo. Um romance dramático onde o desespero e a coragem são transmitidos logo desde os primeiros parágrafos."

Este livro é muito dramático, intenso, que nos deixa agarrados desde o início. Não há como não nos colocarmos no lugar de Emma, pensar no que faríamos nós se fosse o nosso bebé. Fala sobre o que é ser mãe, abordando ainda a dificuldade de o ser sozinha. Eu gostei mesmo muito e fiquei contente por ter escolhido este, apesar de nunca ter ouvido falar. Achei a leitura muito fácil mas cativante, com uma história realmente intensa. Recomendo!





3 comentários:

  1. Li este livro há uns anos e adorei!

    ResponderExcluir
  2. fiquei já presa à história, vou apontar!

    ResponderExcluir
  3. parece interessante ;)
    Bom fim de semana :)

    ResponderExcluir