sexta-feira, 1 de abril de 2016

Um mês em filmes (Março edition)

Vi os filmes dos Oscars depois dos ditos, mas ainda fui a tempo de constatar os fundamentos das críticas (boas e más) e das interpretações. Posso dizer que gostei de todos, embora mais de uns do que de outros. Apresento pela ordem em que os vi (sendo também a minha ordem de preferência - do que gostei menos ao que gostei mais), sendo curioso que as pontuações do Imdb também aumentaram nessa mesma ordem.




Joy (6.6 no imdb) - Estava cheia de expetativas para este filme. Adoro a Jennifer Lawrence e conhecia mais ou menos a história, por isso estava à espera de um bom filme. Encontrei um filme mediano. Nada ali se destaca imensamente. É muito parado, muito "normal". Esperava mais. Safa-se pela incrível química entre ela e o Bradley Cooper, dois atores que gosto muito. De resto, meh.

Carol (7.3 no imdb) - Deste já gostei mais. Gostei da temática, gostei das atrizes que estiveram tão bem, gostei muito do tema. Acho que é um bom filme. Não sei se é de mim mas os filmes parece que passam todos tão rápido. Parece que a história desenvolve super de repente e sem grande sentido. Não sei. Se calhar é por agora ver mais séries, mas parece-me muito precipitado certos acontecimentos dos filmes serem feitos tão a correr. Gostava que esta história tivesse sido explorada mais detalhadamente do que foi. 

The hateful eight (7.9 no imdb) - Para este não tinha grandes expetativas, sinceramente. Vi mais por insistência do namorado, que é super fã do Tarantino. Sabia que ia ser um bom filme porque assim são todos os dele, mas nem sempre as temáticas são muito cativantes para mim. No fim dei por mim muito envolvida na história, a gostar muito. Para quem não é fá de Tarantino pode ser um bocadinho chocante. Há lá imensas cenas que, não fossem tão próprias do estilo do realizador, seriam desnecessárias. Mas gostei muito! Tem uma boa história. 

Spotlight (8.1 no imdb) - Vi este filme mais a dormir do que acordada, em casa de uns amigos, a debater-me para não adormecer. A culpa não é do filme, era minha que estava a morrer de cansaço. Mas vi até ao fim e gostei! Como não gostar de uma história tão envolvente e atual? Melhor ainda tratando-se de uma história baseada em factos verídicos. Gostei muito! É revoltante e cativante ao mesmo tempo, capaz de despertar sentimentos fortes. 


Room (8.3 no imdb) - Este foi, sem dúvida, o meu preferido de todos estes. Gostei tanto! A Brie Larson esteve impecável! E o querido Jacob, um amor; tão pequenino e já cheio de talento. Este tem, para mim, o melhor enredo de todos. A história é chocante, dura e crua. Faz-nos pensar. Gostei do facto de não se ter ficado só pela parte da fuga e do felizes para sempre e focar-se na vida após a saído do quarto. As dificuldades na adaptação, as novas formas de ver o mundo lá fora. Adorei!

8 comentários:

  1. Ainda não vi o Joy e duvido que veja o do Tarantino. Dos que vi, gostei de todos, mas o Carol foi o único que me marcou. Vi o Spotlight no cinema e também dormi um bocadinho, nos primeiros dez ou quinze minutos. Quando acordei, gostei bastante :P

    ResponderExcluir
  2. Ainda não vi nenhum mas estou super curiosa com o "Room"

    ResponderExcluir
  3. Ainda não vi nenhum. Devoramos filmes diariamente mas só os mais antigos, os que encontramos em DVD's a 25cent em segunda mão xD ahahaha. Agora fiquei com vontade de ver o Room, Carol, Spotlight e o do Tarantino. Obrigada pelas dicas ;)

    ResponderExcluir
  4. Ainda não vi nenhum, mas o que me desperta mais curiosidade é mesmo o último. Mas queria tanto ler o livro primeiro...

    ResponderExcluir
  5. Tenho curiosidade em ver os dois das pontas. Em que site viste?

    ResponderExcluir
  6. Felizmente já vi todos. O Room e o Spotlight são de longe os meus favoritos. O do Tarantino é uma pequena loucura mas que gostei também imenso.
    O Joy é filme de domingo à tarde e o Carol é bonitinho.

    ResponderExcluir
  7. Não sei se já viste o Divergente, Insurgente, e Convergente (Parte 1), recomendo vivamente... :)

    ResponderExcluir