quinta-feira, 14 de janeiro de 2016

Ainda agora acabou e já sei que vou ter saudades

Toda a gente diz que os tempos de estudante são os melhores da vida de qualquer pessoa; que passamos a vida a dizer que só queremos acabar mas depois temos saudades de tudo. Pessoalmente discordo. Ninguém nunca tem saudades de acordar cedo nos dias de chuva para passar o dia todo em aulas, nem de desmarcar compromissos divertidos porque tem que estudar e muito menos do stress dos trabalhos que se têm que entregar todos na mesma semana e da ansiedade dos dias de exame.  A vida de estudante não é o mar de rosas que quem não estuda aponta sempre. Mas há tantas coisas boas de se ser estudante! 

Estou mais do que aliviada por ter acabado esta fase da minha vida e não quereria voltar atrás, pelo menos para já não sinto isso. Então agora que esta tudo em fase de exames...Mas há muitas coisas da qual vou ter saudades. Como saber que tinha um dia inteiro pela frente com os meus amigos. Os almoços que davam sempre em risota. As tardes animadas passadas lá na minha casinha de estudante e as boas jantaradas que lá fizemos, onde as conversas de estendiam pela noite fora e acabava tudo a dormir ao monte no chão. Vou ter saudades de ligar às minhas amigas a contar daquela professora "que nunca gostou de mim e aposto que me vai dar má nota!" e das fofoquices dos amores e desamores dos colegas da faculdade.  E das férias! Como vou ter saudades de ter férias longas e por todos os motivos: pausas para a semana da faculdade, de Carnaval, de Páscoa, férias de Verão mais longas, férias de Natal, pausa na semana das defesas de tese. Era um fartote de pausas e férias... e agora só tenho duas ou três tardes livres (nem sequer são dias completos!) por mês para descansar. 

Acima de tudo vou ter saudades de aprender. Já sinto falta de acordar e ter um propósito na vida, de saber que estava a fazer o que gostava. Já tenho saudades de aprender. Não de estudar, mas de aprender coisas novas, de tirar apontamentos, de ouvir alguém inspirador a falar sobre coisas novas. E é por isso que também já me começam a interessar mais os workshops e formações aqui e ali, não só porque enriquecem qualquer currículo mas porque me permitem ter de volta aquela sensação de aprendizagem que eu gosto. E é, também por isso, que me inscrevi naquela formação que já mencionei. 

6 comentários:

  1. Eu estudei em Coimbra, num ambiente académico fantástico, morando com duas colegas e ainda hoje amigas, fantásticas. Tenho muitas, muitas saudades desse tempo.

    ResponderExcluir
  2. Percebo-te perfeitamente ( .. ) eu de momento estou em época de exames e tem sido o "ai jasus" para conseguir fazer tudo . Mas acho que vou ter imensas saudades de ter o que estudar, de ter o que aprender quando isto tudo acabar .

    ResponderExcluir
  3. Olha eu acho mesmo o contrário. Já tive saudades foi das férias que tinha quando estudava e agora que trabalho não tenho. E de poder ficar a dormir quando não me apetecia mesmo levantar. Mas de resto prefiro em tudo trabalhar, mesmo! :) Mas tem de ser um bom trabalho claro...

    ResponderExcluir
  4. No que dizes sobre as formações e a vontade de aprender eu comecei a sentir isso recentemente, meses depois de terminar o meu curso. Quando terminei fiquei aliviada por já ter terminado, as aulas, os exames...Mas, agora, sinto falta de aprender principalmente aquilo que gosto :)

    MORNING DREAMS

    Sofia Silva, Beijos*

    ResponderExcluir
  5. Acredita que vais ter saudades de estudar quando o trabalho te começar a sufocar. Ahahahah

    ResponderExcluir
  6. Com o passar do tempo vais ter saudades. A vida profissional é muito exigente e cansativa, e vais lembrar-te muitas vezes do tempo de estudante... Pelo menos a mim acontece... Quando o trabalho aperta a sério, começo a ter saudades dos tempos de estudante, porque quando o trabalho/estudo apertava caso algo não corresse bem apenas te prejudicarias a ti, agora a nível de trabalho, prejudicas uma série de pessoas (incluindo clientes).

    Beijinhos :)

    ResponderExcluir