segunda-feira, 2 de novembro de 2015

A pessoa anda quase como que em negação, a pensar noutras coisas e ocupada com o trabalho e planos de lazer. A pessoa tenta não pensar que ainda tem a defesa da tese este mês e que o calendário ainda não saiu, ainda tem tempo. Até que sai o calendário e a pessoa fica a saber que daqui a 15 dias estará a defender a sua tese. A pessoa, ansiosa por si só, fica em reboliço por dentro e não consegue pensar noutra coisa senão em tudo o que podia ter feito diferente e a imaginar cenários de destruição em que a arguente a desanca à frente dos amigos. A pessoa tem 15 dias de auto tortura até ao dia da defesa, em que se adivinha que a pessoa não vai dormir descansadamente. A pessoa só quer que isto acabe rapidamente. A pessoa já está em stress e precisa de se acalmar!

10 comentários:

  1. Calma vai correr tudo bem;) Entrar em stress não ajuda em nada

    ResponderExcluir
  2. No dia em que apresentar a tese nem acredito!! Já não posso com isto!

    ResponderExcluir
  3. No dia da minha defesa da tese, tomei ansiolítico, e foi o melhor que fiz.
    Vai descansada, até porque depois de entregue a tese a nota não oscila muito :)

    ResponderExcluir
  4. Pelo menos ficaremos livres disto dentro de pouco tempo (tu mais depressa do que eu!). Há-de correr bem, calma. Beijinhos

    ResponderExcluir
  5. Não consigo sequer imaginar a ansiedade de se saber que se vai apresentar a tese, mas tens que tentar manter a calma. Isso não te faz bem. Além de que tenho a certeza de que tudo irá correr bem!

    ResponderExcluir
  6. Pensa que pelo menos depois disso ficas livre da tese definitivamente :) Vai correr tudo bem!

    ResponderExcluir
  7. Calma! Vai correr tudo bem =)
    Boa sorte!

    ResponderExcluir
  8. Quase, quase!!! Mas calma, vai tudo correr bem :)

    ResponderExcluir