terça-feira, 25 de agosto de 2015

Maior banhada da infância

Achar que os amiguinhos que adoramos e de quem já não nos separamos vão ser nossos amigos para sempre. 


(e continuar a achar que as amizades são para sempre durante a vida adulta, para levar chapada atrás de chapada quando menos esperamos)

7 comentários:

  1. Uma completa ilusão. Tudo o que começa, um dia acaba

    ResponderExcluir
  2. Verdade. Acho muito engraçado as pessoas que têm amigos de infância que continuam muito presentes nas suas vidas... Infelizmente não é o meu caso. Amigos realmente de "infância" tenho talvez uma, e mesmo essa amizade já viu dias bem melhores... Depois, dos tempos de escola (do 5º ano em diante) tenho mais duas amigas que têm mais presença na minha vida e é isso. Olho para trás e vejo as pessoas que foram ficando pelo caminho... Mas a vida é assim! Nós mudamos, as outras pessoas mudam, os gostos/interesses mudam, as circunstâncias alteram-se...

    ResponderExcluir
  3. É mesmo verdade, as amizades nunca duram tanto como pensamos e os amigos todos de infância e da escola acabam por ir seguindo caminhos diferentes dos nossos. Eu tenho a enorme sorte de continuar a ter a mesma melhor amiga praticamente desde que nasci. :) Mas não tenho muitos amigos e acho que, na verdade, ninguém tem.

    http://entreosmeusdias.blogspot.pt

    ResponderExcluir
  4. É assim a vida. Nada é eterno. Passamos anos da nossa vida a aprender certos vires e premissas que se esvaem em horas :)

    ResponderExcluir
  5. Infelizmente é assim...mas eiiii, assim há espaço para quem realmente é verdadeiro :)

    With Love
    Lil'Susie <3

    http://callmemisslilsusie.blogspot.pt/

    ResponderExcluir
  6. Graças a Deus, para já, ainda não tive disso. Tenho poucas amigas, mas as que tenho são ouro :))

    ResponderExcluir