segunda-feira, 15 de junho de 2015

Para começar a semana em beleza


Sou uma preguiçosa, admito. Tudo o que envolva esforço físico, para mim, é de evitar. Gosto tão mais de ficar sentadinha no sofá, de rabo alapado a ver séries. Se envolver comida, tanto melhor. O problema é que tenho que me começar a mexer mais, pela minha saúde física e psicológica. Estar em casa tantos dias seguidos, muitas vezes sozinha, deixam-me louca. Detesto! Até me entretenho durante umas horas, mas ao final da tarde já estou saturada de tudo. E depois, claro, tantos dias sem fazer nada refletem-se no peso. Por isso mesmo, agora que vou tendo tempo, chega de preguicite. 

Com o estágio e as frustrações inerentes refugiei-me muito na comida. Comer era das poucas coisas que me davam ânimo. Sou daquelas que come para se sentir melhor, a comida é como uma amiga que tenho sempre ali no armário quando estou mais triste. Deprimente, eu sei, mas verdade. Por isso não é de estranhar que tenha engordado ao longo destes meses de estágio. E agora que acabou e tenho tempo, está na hora de começar a perder os quilinhos que fui ganhando. Mas e a força de vontade? Pior do que preguiçosa, sou a minha pior inimiga. Penso sempre que tenho tempo, que não estou assim tão mal, que é só uma vez e uma vez não são vezes, que tenho é que gostar de mim e aceitar-me como sou e bla bla bla tretas feministas só naquela de me convencer que sou uma mulher forte, independente e que gosta de si como é. O que é mentira. Claro que gosto de mim assim, mas gostaria mais com menos uns quilinhos. Claro que vou tentar perder estes quilinhos por mim, para me sentir melhor, e não por outras pessoas ou pelos padrões dos outros. Mas dá cá uma preguiça! 

Hoje contrariei o estado deprê e lá fui eu fazer a minha corridinha (lol, corridinha, quem é que eu quero enganar? Corro 4min seguidos e morro). Comecei com uma caminhada até ao parque da cidade, fiz 4min de corrida (e surpreendi-me pelo facto de conseguir, pensei que ia estar pior), voltei às caminhadas... No total, só corri 16min, é fraquinho fraquinho, uma vergonha, mas melhor do que nada. O objetivo é ir aumentando a carga ao longo do tempo, com calma, para não desmotivar. Haja paciência e força de vontade! O que me vai valendo são as contas de instagram todas fit e tal, sempre me inspiro. A ver vamos como corre.

5 comentários:

  1. Vejo-me muito em ti!! Acho que davas uma bela companheira de corrida. A mim também´me quase que me sai o coração pela boca ehehe
    Beijinhos,

    A estrela sardenta | Facebook | Realça a tua beleza c/ o Boticário

    ResponderExcluir
  2. Boa, é isso mesmo, mexer o rabiosque!

    ResponderExcluir
  3. parecias eu a falar. enfim, haja força de vontade para os recomeços :)
    força nisso! ;)

    ResponderExcluir
  4. Devagar se vai ao longe... ;) Logo logo consegues correr muito mais! Parabéns pela motivação e força!

    ResponderExcluir
  5. Se morando juntos quase só passamos as noites juntos imagina se não morassemos :/ era impossível continuarmos longe assim e essa foi uma das principais razões que nos fez tomar esta decisão o quanto antes. Beijinhos e força! Já falta pouco para quarta! :)

    ResponderExcluir