domingo, 24 de agosto de 2014

Gosto de fazer o caminho para o trabalho a pé, pela fresquinha. Quer dizer, gostava mais de não ter que sair de casa antes das 7h ao fim-de-semana, mas já que tenho que sair, ao menos aproveito e vou a pé, para andar um bocado e pôr os pensamentos em dia.
E lá vou eu, manhã fresca, dia inteiro pela frente, perdida nos meus pensamentos. Uso esses 10 minutos para pensar na minha vida, nas coisas que quero fazer, nas coisas que quero/preciso comprar, no que gostava que me acontecesse nos próximos anos. É maravilhosamente relaxante fazer planos para o futuro, sonhar com a vida que queria ter, o que fazer para conseguir essas pequenas conquistas. Enche-me de esperança para o futuro e de energia para aguentar o dia de trabalho que se segue. 
Eu bem me queixo que não durmo, que queria dormir mais, descansar mais, mas a verdade é que sou uma pessoa madrugadora. Se assim não fosse, perdia muitas vezes estes pequenos momentos de sossego e reflexão que tão bem me sabem. E aqueles passeios matinais de vez em quando? Sabem pela vida!

6 comentários:

  1. eu foi durante a viagem de carro que fiz hoje de manhã... uma hora com uma estrada praticamente deserta... por aqui também se trabalha :/

    ResponderExcluir
  2. bom dia... este post parece ter sido escrito por mim. Eu tambem sou uma madrugadora. Adoro caminhadas pela fresca, e sim é um momento só nosso.

    ResponderExcluir
  3. Oh se sabem !
    Bem tenho saudades das vezes que ia a pé para ao trabalho !

    ResponderExcluir
  4. Eu fazia o mesmo quando estive em Londres. Podia apanhar o autocarro de casa para o comboio e do comboio para a escola, mas preferia não o fazer!

    ResponderExcluir