segunda-feira, 25 de novembro de 2013

As voltas que a vida dá

Às vezes, nos meus momentos de introspeção, penso na volta que o meu ano deu, na volta que a minha vida sofreu. 2013 foi o ano que começou como eu sempre desejei, como eu tanto esperei durante tanto e tanto tempo. Foi um ano cheio de coisas boas, cheio de desafios, de aventuras, de novas experiências, de momentos que aconchegam a alma e o coração. E agora está aqui, a pouco mais de um mês para acabar, nesta confusão. Nunca sofri tanto na vida, nem em tão pouco tempo. Estão a ser muitos dias sempre de coração apertado, com lágrimas que não secam, com a tristeza e o vazio a fazerem-me companhia todos os dias, de uma forma ou de outra. E eu pergunto-me como pode uma vida mudar tanto em tão pouco tempo. Pergunto-me o que fiz eu de mal, onde foi que errei, o que é que falhei, o que é que eu não vi/percebi, para agora estar a passar por isto. Como pode um ano que começou tão bem estar a acabar tão mal? A vida dá mesmo muitas voltas.

3 comentários:

  1. Dá muitas voltas mesmo.... Um grande beijinho!

    ResponderExcluir
  2. dizem que quando tudo corre mal é porque Deus está a preparar algo fantastico... aa minha vida tb é cinzenta, e espero que um dia Ele olhe para mim... mais uma vez força e nao desistas... coisas boas vao surgir... sei bem que é dificil, mas estou aqui abusa da minha amizade..mesmo que virtual xoxo

    ResponderExcluir
  3. A verdade é que os altos e baixos são uma constante. Não vejas o fim do ano como o limite... Pode ser ainda antes ou talvez depois, mas melhores dias voltarão e depois vais pensar "como é que acabei o ano tão mal e agora as coisas me correm tão bem? A vida dá mesmo muitas voltas!" É mesmo assim! Um beijinho*

    ResponderExcluir